quinta-feira, 23 de fevereiro de 2012

Enquanto isso, no Carnaval ...




Seguem alguns comentários sobre os 2 eventos enxadrísticos que segui durante o carnaval deste ano.

Retorno de Edson Fonseca

Com 5,5 pontos em 7 rodadas no Campeonato Brasileiro Amador (para enxadristas abaixo de 2100 FIDE) o enxadrista cearense Edson Fonseca marca seu retorno aos tabuleiros, após longa pausa desde os seus tempos de menino prodígio em Fortaleza, quando foi vice-campeão brasileiro sub-12 (atrás somente de Fier ).

Na última rodada deste Brasileiro Amador, Edson era líder, e precisava apenas empatar para ser campeão, mas por um pequeno deslize acabou perdendo, e o título passou justamente para seu adversário Aquiles Machado. Edson ficou com a medalha de bronze. Com este torneio, ele re-iniciou seus blocos para o rating FIDE, com uma excelente performance de 2227.

Lembrava de Edson ainda menino, participando do Zonal CE de 1998, acho que foi a última vez que o vi, naquele que foi um dos últimos torneios oficiais que joguei em Fortaleza. Ele já era bastante forte então.

IX Magistral RN

Um empate entre os MFs potiguares Iack e Carlos Alberto selou a vitória do Paraibano Paulo Barbosa no grupo A do IX Magistral RN, com 5,5 pontos em 7 rodadas, em 2º ficou o pernambucano Almir Cardoso e em 3º o MF potiguar Carlos Alberto Barreto, ambos com 5,0 pontos. Classificação Final do Grupo A. Na criação de rating FIDE, Fritz Schimidt fez seu segundo e definitivo bloco com Rp de 2030 em 6 partidas e deve sair na próxima listagem com ELO de 2003. Rafael Cunha fez seu primeiro bloco com Rp de 1816 em 6 partidas.


No grupo B, o pré-classificado nº 1 Alexsandro Lira confirmou o favoritismo vencendo com 5,5 pontos em 7 rodadas, em 2º ficou o pernambucano Dalson Holanda e em 3º o potiguar Kligw Fernandes, ambos com 5,0 pontos. Classificação Final do Grupo B. Nenhum enxadrista potiguar fez bloco para ELO FIDE neste grupo.

Nenhum comentário: